Artigo: Homem x Natureza

                                                       Homem x Natureza

*Éber Sander

1º de janeiro de 2010. Ano novo, vida nova. Ao menos é o que todos dizem, o que todos esperam.

Pela primeira vez no ano vou caminhando até a banca mais próxima para adquirir o meu jornal costumeiro. Ansioso para ler as primeiras notícias do ano.

No caminho observo garrafas de champanhe e latas de cervejas espalhadas pelas ruas da cidade. Lixos abarrotados. Consumo em alta!

Compro o jornal e levo para ler no aconchego do lar. Assusto-me com a manchete.

Encosta cede e mata ao menos 20 em Angra dos Reis – RJ

Perco o apetite. Deixo o pão de lado; o café esfria. Volto ao jornal, leio a matéria da tragédia anunciada.

Mais notícias sobre deslizamentos de terras, enchentes, famílias desabrigadas, mortes, mortes e mais mortes.

O ser humano, este animal imbecil que destrói sua própria casa. Polui o ar, o mar, os rios. Os peixes quando nadam, as aves quando voam sentem ódio, nojo, repulsa do homem. Invadimos a natureza. Roubamos sua riqueza.       

Não há mais nada a fazer, os mortos não ressuscitarão, o aquecimento da Terra não cessará.

Só não sabemos até quando a natureza continuará nos cobrando pelos nossos atos.  Sinto que começamos a pagar o débito agora. Ou mudamos radicalmente o modo de viver ou será tarde demais. Já não sei quantos cafés ainda poderei tomar.

*Éber Sander é escritor autor do livro Perguntas Indiscretas

www.ebersander.wordpress.com

Anúncios

Deixe um comentário

Filed under 1

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s