Tag Archives: artigo

Ouse sonhar! Ouse realizar!

Ouse sonhar! Ouse realizar!

*Éber Sander

Certa vez um jovem negro, nascido no Hawai e de sobrenome árabe disse a sua avó que desejava tornar-se o presidente dos Estados Unidos da América.

No alto de sua sabedoria e experiência a avó disse ao seu neto: “Sim, você consegue. Vá em frente”.

Anos mais tarde o jovem negro, nascido no Hawai e de sobrenome árabe tornara-se o primeiro presidente negro dos Estados Unidos da América com o slogan de campanha: “Yes, we can”.

Fico imaginando como seria se ao invés de encorajar o neto a avó dissesse o contrário, como seria se ao invés de incentivá-lo tivesse pontuado uma a uma as dificuldades que o neto encontraria pela frente para tornar o seu sonho realidade.

Quantas são as pessoas que te incentivam? Quantas são as pessoas que dizem “vá em frente, prossiga”?

A maioria das pessoas não conseguem realizar seus sonhos e insistem em frustrar os sonhos dos outros.

Certamente você conhece Bob Richards, ganhador de diversas medalhas olímpicas. Em seu livro “O coração de um campeão” Bob narra uma história que aconteceu com Charley Paddock.

Certa vez, Paddock ministrava uma palestra em um ginásio de Cleveland e em dado momento da palestra disse:

-Quem sabe, talvez haja aqui alguém que um dia vá ganhar provas numa olimpíada.

Ao final da apresentação aproximou-se de Paddock um jovem negro e lhe disse com certa vergonha:

-Eu daria tudo para ganhar uma corrida importante algum dia.

Eis que Paddock olhando fundo nos olhos do jovem disse:

-E você pode, meu filho. Basta que faça disso a sua meta de vida e dê tudo de si para alcançá-la.

No ano de 1936, aquele jovem, cujo nome é Jessie Owens, ganhou diversas medalhas de ouro nas olimpíadas de Berlim quebrando diversos recordes e deixando Adolf Hitler furioso.

Quando voltou para os Estados Unidos foi ovacionado nas ruas enquanto desfilava em carro aberto. Nesse dia, um outro jovem negro conseguiu chegar perto de Jessie Owens e disse:

-Eu gostaria muito de correr numa olimpíada quando crescer!

Jessie Owens lembrou do que havia lhe acontecido no passado, apertou firme a mão do jovem e lhe disse:

-Sonhe alto meu filho. E dê tudo de si para chegar lá!

No ano de 1948, Harrison Dillard, o jovem que ouviu de Jessie Owens para sonhar alto, ganhava medalhas de ouro nos jogos olímpicos daquele ano.

Há quantas andam os seus sonhos? Ainda pensa em abrir aquela empresa? Ainda pensa em cursar aquela faculdade? Ainda sonha com aquela casa? Ainda pensa em escrever aquele livro? Ainda pensa em formar aquela banda? Ainda pensa em pintar aquele quadro?

Muitos profetizarão o seu fracasso, mas não lhes dê ouvidos. Siga em frente! Prossiga! Dê o melhor de si! Ouse sonhar e ouse realizar o seu sonho! O mundo pertence aqueles que acreditam e não desistem dos seus sonhos.

*Éber Sander autor dos livros “Perguntas Indiscretas” e “Eu morri faz tempo”

1 Comentário

Filed under 1

Harriette Thompson: uma jovem guerreira

Competitor Group/Divulgação

Harriette Thompson: uma jovem guerreira

*Éber Sander

Talvez você não a conheça, talvez você nunca leu ou ouviu sobre Harriette Thompson, mas esteja certo de uma coisa, ela é uma jovem guerreira.

A primeira vez que Harriette Thompson correu foi com o propósito de arrecadar fundos para combater a leucemia e linfoma. A causa era nobre e ela não poderia ficar de fora. E não ficou. Desde então ela já arrecadou cerca de U$$ 100 mil para a nobre causa.

A última façanha da corredora foi cruzar a linha de chegada da Rock ‘n’ Roll Marathon, em San Diego, na Califórnia (EUA), com o tempo de 7h24m36s. Essa foi a sua 16ª participação na maratona.

Certamente você sabe que uma maratona tem a distância de 42km e foi exatamente essa a distância percorrida por Harriette Thompson sem fraquejar em nenhum momento.

No dia 31 de maio de 2015 aos 92 anos e 65 dias de idade, Harriette Thompson tornou-se a maratonista mais idosa do mundo.

Daí então você questiona o porquê do título que dei a ela de “Jovem Guerreira”. Harriette Thompson é uma pessoa idosa e não uma pessoa velha.

Uma pessoa velha é aquela que não tem propósito na vida, uma pessoa velha é aquela que passa os dias resmungando, uma pessoa velha é aquela que ao invés de acender uma vela insiste em amaldiçoar a escuridão, uma pessoa velha é aquela que fica em casa reclamando de todos enquanto assiste o noticiário violento na TV. Uma pessoa velha é pessimista e enxerga sempre o pior em todas as situações cotidianas.

Uma pessoa jovem é proativa, uma pessoa jovem é confiante em si mesmo e nos outros, uma pessoa jovem tem uma causa a defender, uma pessoa jovem é altruísta, benevolente, tem empatia e está disposta a tirar da vida o melhor que ela tem a oferecer, uma pessoa jovem não desiste nunca!

Nossa guerreira Harriette Thompson é uma pessoa idosa e não velha! Harriette Thompson é uma jovem guerreira!

Portanto, responda à você mesmo: Você é jovem (ainda que seja idoso) ou é uma pessoa velha (ainda que tenha pouca idade)?

*Éber Sander autor dos livros “Perguntas Indiscretas” e “Eu morri faz tempo”

Deixe um comentário

Filed under 1

O que você tem oferecido?

O que você tem oferecido?

*Éber Sander

Certamente você já assistiu um filme de Bruce Lee ou talvez já tenha lido sobre ele. Certamente você sabe que quando se fala em artes marciais o nome de Lee é o primeiro a ser lembrado.

Os filmes de artes marciais são contados antes e depois de Bruce Lee dada a sua importância e relevância no tema.

Recentemente foi divulgada uma carta de Lee quando ele tinha 28 anos. A carta cujo título é “Minha meta principal” diz exatamente o seguinte: “Eu, Bruce Lee, serei o super star oriental mais bem pago dos Estados Unidos. Em troca, eu farei as mais emocionantes performances, sendo um ator da mais alta qualidade. A partir do ano de 1970 vou alcançar fama mundial, a partir de então, até o final de 1980 eu vou ter na minha posse U$$ 10.0000,00 Eu vou viver do jeito que eu quiser e conseguir a harmonia interior e a alegria”.

Exatamente um ano depois, Bruce Lee era o ator oriental mais bem pago dos Estados Unidos e sua fama era mundial.

O que realmente nos importa é entendermos o quão comprometido e engajado Bruce Lee estava em ser o “ator da mais alta qualidade” e em fazer as “mais emocionantes performances”.

Naquela época Bruce Lee tomou a firme decisão de ser o melhor! Tomou a firme decisão de não ser mais um ator no mar de atores da época.

Bruce Lee tinha a noção exata do que deveria ser/fazer para ganhar fama mundial, autonomia financeira e conquistar a tão sonhada harmonia interior e alegria. Lee sabia que não seria fácil, que não seria da noite para o dia, porém, estava comprometido de corpo e alma a ser o melhor.

Daí então eu lhe pergunto e a resposta interessa mais a você do que a mim: Qual a sua meta principal? Onde quer estar daqui a 5 anos? E daqui a 10 anos? O que você tem para oferecer em troca? Você tem oferecido o seu melhor?

É preciso muito cuidado se você não sabe exatamente aonde quer chegar. Se não tem a exata noção de aonde quer chegar, esteja certo de que qualquer lugar serve e qualquer lugar não é um bom lugar!

Portanto, faça a sua carta como fez Bruce Lee e de o seu melhor como também deu Bruce Lee. Não seja um medíocre, seja o melhor!

*Éber Sander autor dos livros “Perguntas Indiscretas” e “Eu morri faz tempo”

Deixe um comentário

Filed under 1

Quanto mais eu me esforço mais sorte eu tenho

 

Quanto mais eu me esforço mais sorte eu tenho
*Éber Sander

Conta a história que certo dia um jovem foi cortado do time de basquetebol pelo qual jogava no seu colégio. O jovem ficou desesperado! Foi para sua casa, trancou-se em seu quarto e passou o dia chorando, não acreditando que havia sido cortado do time. Não acreditava que estavam acabando com o seu sonho de se tornar um grande jogador de basquete.
Nesse mesmo dia, após não ter mais lágrimas para chorar, o jovem tomou a decisão de dar a volta por cima.
Tomou a firme decisão de se dedicar ainda mais ao esporte, passou a treinar como nunca antes, era o primeiro a chegar na quadra e o último a sair. Treinava de segunda a segunda. Estava focado em ser o melhor!
Em pouco tempo o técnico do colégio observando a evolução do jovem chamou-o para integrar a equipe novamente. E o jovem foi a sensação daquela temporada. E foi ganhando campeonatos estudantis e foi conquistando medalhas e mais medalhas. Mais tarde esse jovem seria considerado o melhor jogador de basquete do mundo. Você o conhece pelo nome de Michael Jordan.
Certo dia ao responder um jornalista que insinuou que Jordan era um sujeito de sorte, ele disse: “Quanto mais eu me esforço mais sorte eu tenho”.
E você? Tem se esforçado para ser o melhor? Como tem reagido aos “nãos” que recebe da vida? Deixe de ser fraco e tome a decisão de ser o melhor! O seu sucesso depende única e exclusivamente da sua força e dedicação. Se as coisas não tem dado certo para você até agora é culpa única e exclusivamente sua!
Portanto, pare de chorar pelos cantos! Chega de mimimi! Chega de reclamar do seu chefe, da esposa, do seu marido, do governo! É chegada a hora de reagir! Seja forte e vença!

*Éber Sander – Autor dos livros “Perguntas Indiscretas” e “Eu morri faz tempo”

Deixe um comentário

Filed under 1

Atraso nosso de cada dia

Atraso nosso de cada dia

Quem acompanhou e tem acompanhado o noticiário nos últimos dias vem percebendo que as obras relacionadas à Copa do Mundo ficarão totalmente prontas somente em 2017. Isso mesmo: quando todos os olhos estiverem na Copa do Mundo de 2018, o legado da nossa Copa estará concluído.

Há sete anos o Brasil foi escolhido para sediar a Copa do Mundo. Naquela época o clima foi de festa. O Brasil teria a oportunidade de mostrar ao mundo que somos de fato uma potência em desenvolvimento. Porém, não foi isso o que se viu.

Diariamente assistimos inaugurações incompletas, obras que sequer saíram do papel, atrasos, atrasos e mais atrasos. Infelizmente a imagem que ficou para o mundo é que os brasileiros não são bons administradores.

O atraso seja de qualquer natureza é uma cultura do povo brasileiro. E a maioria aceita isso numa boa, lamentavelmente, diga-se de passagem.

Quantas vezes você já participou de uma reunião que estava agendada para as 8 horas e foi começar 8h30? Quantas vezes você foi a um show e o início estava para as 22 horas e foi começar apenas às 23 horas? Quantas vezes os projetos na sua empresa foram postergados? Quantas vezes você deixou alguém esperando além da conta? Quantas vezes ficou esperando aquela encomenda que nunca chegou? Há quanto tempo está esperando a Prefeitura realizar a tão esperada obra no seu bairro?

Vivemos no país do atraso. Marcamos reunião apenas para agendar a data da outra reunião e nada se resolve. Não somos cumpridores de prazos. Não temos metas ousadas para perseguir. Não temos comprometimento para atingir as metas pré-estabelecidas, pois sabemos que não teremos problemas se os planos e projetos não se concluírem a tempo.

E nessa de não respeitar prazos e horários vamos perdendo a oportunidade de sair da lista de país em desenvolvimento e migrar para a lista de país plenamente desenvolvido. E agora alguém vai dizer: não se preocupe com isso, para que sermos um país desenvolvido agora, podemos esperar um pouco mais.

*Éber Sander

www.facebook.com/EberSanderConsultoria

www.ebersander.wordpress.com

Deixe um comentário

Filed under 1

As vaias, os protestos e o que eu tenho a ver com isso

As vaias, os protestos e o que eu tenho a ver com isso

O Brasil está vivendo um momento histórico! Não estou falando sobre a Copa das Confederações, a visita do Papa, a Copa do Mundo ou as Olimpíadas.  Na última semana o Brasil foi sacudido por fatos de extrema importância para o país.

Na semana do dia 10 a 14 as cidades de São Paulo, Rio de Janeiro e outras cidades foram sacudidas por protestos que foram aglutinando dia a dia mais e mais pessoas.

A polícia a mando dos políticos agiram com truculência. Alguns manifestantes por sua vez perderam o foco e depredaram prédios públicos e privados. A polícia agiu de forma despreparada, os manifestantes que destruíram o patrimônio agiram de forma errada.

No sábado, 15, na abertura da Copa das Confederações a Presidenta Dilma Rousseff foi vaiada por milhares e milhares de torcedores/brasileiros.

Os protestos querem dizer muita coisa, as vaias querem dizer muita coisa, e eu e você temos muito a ver com isso!

Os protestos não foram apenas pelos 20 centavos, as vaias não foram apenas pelos gastos exorbitantes que o Governo Federal e os Governos Estaduais estão tendo com os eventos esportivos.

A revolta é pela falta de segurança – vivemos presos dentro de casa e os bandidos soltos nas ruas -, a revolta é pela falta de investimentos na educação de qualidade, pela roubalheira dos políticos de carteirinha, pela falta de investimentos na saúde e no transporte. A revolta é pelos brasileiros trabalhadores que estão sendo queimados vivos por bandidos. A revolta é pelas mortes nas ruas e estradas vítimas de motoristas bêbados. A revolta dos brasileiros é pelo assalto que estão sofrendo constantemente ao entrar nos supermercados espalhados pelo país. A revolta é pelo cinismo dos governantes brasileiros. Em suma, a revolta é para fazer do Brasil um país digno e igualitário. O povo já não aguenta mais ficar levando porrada!

Deixe um comentário

Filed under 1

Artigo: Essa tal da TV

Essa tal da TV

Já há algum tempo o grupo Titãs entoa a canção: “É que a TV me deixou burro, muito burro demais, agora todas as coisas que eu penso me parecem iguais… é que a televisão me deixou burro, muito burro demais, agora eu vivo dentro dessa jaula junto dos animais…”.

Desde o ano 2000 milhões e milhões de brasileiros esperam ansiosos a chegada de Janeiro para assistir o Big Brother Brasil.

Nada contra os que assistem o programa da Rede Globo. Vivemos um país democrático e cada um tem o direito de assistir o que bem entender. Nada mais democrático que o controle remoto!

Só não consigo entender qual o propósito desse programa. Há que ele veio? Veio para demonstrar o quão pequeno e vil pode ser uma pessoa? O quanto o ser humano pode se sujeitar por alguns trocados? O quão baixo pode ser um programa de televisão?

Dizem que você é o que você come. Eu diria mais: você é o que você come, o que você assiste, o que você ouve e o que você lê. Sendo assim, cabe a cada um discernir sobre o que tem assistido na TV. Ao menos, a minha audiência a Rede Globo não tem!

Mudando de assunto, conquistei o terceiro lugar no Prêmio Literário Valdeck Almeida de Jesus – 2012. Minha crônica “Vida Dura” que conta um pequeno fragmento da Ditadura Militar será publicada em um livro a ser lançado ainda nesse semestre.

O Prêmio Literário Valdeck Almeida de Jesus tem o objetivo de estimular novas produções literárias e é destinado a escritores do Brasil e do exterior. O concurso existe desde 2005 e já publicou mais de 1000 textos entre crônicas, contos e poesias.

Passada a euforia das festas de final de ano os amantes das letras voltam à ativa em suas leituras.

Alguns livros interessantes já constam entre os mais vendidos na lista da revista Veja, como por exemplo: “A caricia essencial” de Roberto Shinyashiki; “Viver com fé” da atriz Cissa Guimarães; “Manual dos jovens estressados – Mas muito inteligentes” de Augusto Cury; “Contos do dia a dia” e “Pelas portas do coração” ambos da escritora Zibia Gasparetto.

Além dos novos títulos que figuram na lista dos mais vendidos, velhos conhecidos continuam entre os mais vendidos nas livrarias nacionais, como os livros “Cinquenta tons de cinza”; “Cinquenta tons mais escuros” e “Cinquenta tons de liberdade” todos da E L James. O maior sucesso editorial de todos os tempos.

Outro livro internacional que também figura em quarto lugar na lista dos mais vendidos, categoria ficção é da escritora J.L Rowling, a mesma de Harry Potter.

Também na mesma categoria figuram os livros “Toda sua” e “Profundamente sua” da autora Sylvia Day. Os dois livros seguem a mesma linha dos livros da E L James.

Todos os livros citados acima você encontra na Sander Livraria – www.sanderlivraria.com.br – com frete grátis para Indaiatuba/SP e frete único de R$ 7,00 para as demais cidades do Brasil.

 

Deixe um comentário

Filed under 1