Tag Archives: rio de janeiro

As vaias, os protestos e o que eu tenho a ver com isso

As vaias, os protestos e o que eu tenho a ver com isso

O Brasil está vivendo um momento histórico! Não estou falando sobre a Copa das Confederações, a visita do Papa, a Copa do Mundo ou as Olimpíadas.  Na última semana o Brasil foi sacudido por fatos de extrema importância para o país.

Na semana do dia 10 a 14 as cidades de São Paulo, Rio de Janeiro e outras cidades foram sacudidas por protestos que foram aglutinando dia a dia mais e mais pessoas.

A polícia a mando dos políticos agiram com truculência. Alguns manifestantes por sua vez perderam o foco e depredaram prédios públicos e privados. A polícia agiu de forma despreparada, os manifestantes que destruíram o patrimônio agiram de forma errada.

No sábado, 15, na abertura da Copa das Confederações a Presidenta Dilma Rousseff foi vaiada por milhares e milhares de torcedores/brasileiros.

Os protestos querem dizer muita coisa, as vaias querem dizer muita coisa, e eu e você temos muito a ver com isso!

Os protestos não foram apenas pelos 20 centavos, as vaias não foram apenas pelos gastos exorbitantes que o Governo Federal e os Governos Estaduais estão tendo com os eventos esportivos.

A revolta é pela falta de segurança – vivemos presos dentro de casa e os bandidos soltos nas ruas -, a revolta é pela falta de investimentos na educação de qualidade, pela roubalheira dos políticos de carteirinha, pela falta de investimentos na saúde e no transporte. A revolta é pelos brasileiros trabalhadores que estão sendo queimados vivos por bandidos. A revolta é pelas mortes nas ruas e estradas vítimas de motoristas bêbados. A revolta dos brasileiros é pelo assalto que estão sofrendo constantemente ao entrar nos supermercados espalhados pelo país. A revolta é pelo cinismo dos governantes brasileiros. Em suma, a revolta é para fazer do Brasil um país digno e igualitário. O povo já não aguenta mais ficar levando porrada!

Anúncios

Deixe um comentário

Filed under 1

Fim das sacolas plásticas – por Éber Sander

Fim das sacolas plásticas

*Éber Sander

No último dia 16 entrou em vigor no Rio de Janeiro a Lei 5.502/09, que restringe o uso de sacolas plásticas no comércio daquela cidade.

Trata-se de uma grande e importante Lei. De acordo com o presidente do Instituto Estadual do Ambiente (Inea), Luiz Firmino Martins, a lei determina que os estabelecimentos ofereçam descontos de três centavos a cada cinco produtos vendidos, além de disponibilizar sacolas ecológicas, caixas de papelão ou qualquer outra forma para que os clientes possam levar os produtos comprados.

O autor da lei, o deputado estadual Carlos Minc (PT), usou como argumentos para a implantação da lei o fato de que o Brasil usa por ano 18 bilhões de sacolas plásticas. Apenas no Rio de Janeiro, são 2,4 bilhões por ano.

É de conhecimento geral que as sacolas plásticas são um grande problema para o meio ambiente, além de entupirem galerias de esgotos e águas pluviais, poluem mares e rios, sujam as cidades, matam por asfixia os animais que buscam por alimentos nos lixos e ainda por cima levam centenas de anos para desaparecer.

Em Indaiatuba foi aprovada no mês de Abril deste ano, a Lei de autoria do vereador Fábio Conte, que dispõe de atendimento preferencial em estabelecimentos comerciais do município. Já é alguma coisa, porém, é preciso avançar ainda mais. A lei aprovada no Rio de Janeiro é certamente melhor que a de Indaiatuba. Temos que acabar com o mal (sacolas plásticas) de uma vez por toda.

Portanto, fica o exemplo do Rio de Janeiro para todas as cidades brasileiras. Acabar com as sacolas plásticas não será algo fácil, porém, é preciso ousadia do poder público e conscientização da população.

*Éber Sander é escritor autor do livro “Perguntas Indiscretas”

www.ebersander.wordpress.com

3 comentários

Filed under 1

14ª Bienal Internacional do Livro

mapabienal560

Tem início amanhã, 10, no Rio de Janeiro a 14ª Bienal Internacional do Livro, que neste ano homenageará a literatura americana. Foram convidados dezoito escritores estrangeiros, destes, doze são dos Estados Unidos, como Steven Jay Schneider, Arthur Phillips entre outros.

Entre os escritores brasileiros estarão presentes: Marcelo Rubens Paiva, Carlos Heitor Cony, Lourenço Mutarelli, Eduardo Bueno e Moacyr Scliar. Os organizadores esperam levar 600 mil pessoas ao Riocentro e movimentar R$ 44 milhões até o dia 20/09.

O Riocentro fica na Av. Salvador Allende 6.555, Barra da Tijuca. Entrada pelos portões A e Ib. Nos fins de semana, também pelo portão E. Prestigie.

Deixe um comentário

Filed under 1